Impressão?


Chegamos à penúltima publicação da série #etapasdeprodução, e hoje falaremos da impressão. É hora de termos a materialização de tooodo nosso trabalho, que começou lá atrás, quando o escritor tinha apenas uma ideia em sua cabeça.

A maior parte da produção da Amélie é de baixa tiragem (até 500 exemplares) e, para isso, utilizamos os serviços das gráficas digitais.

“Ah, mas a qualidade é boa?”

Graças às sempre presentes inovações tecnológicas, as gráficas digitais contam com maquinário de ponta e ótima qualidade. Em muitas gráficas, a impressão digital se assemelha muito à impressão offset (daquelas máquinas enormes que rodam altas tiragens).

O processo é, basicamente, o seguinte:

  1. Após a conferência final, fechamos um arquivo PDF do livro em alta resolução e enviamos à gráfica.

  2. A gráfica recebe esse arquivo e o analisa, verificando se a resolução das imagens está adequada, se a cor está correta, se o formato e a paginação estão conforme solicitado no pedido de orçamento, se a medida da lombada da capa está de acordo, entre outros detalhes técnicos.

  3. Ela gera um arquivo digital para aprovação, que é a cópia fiel do que será impresso. Em gráficas offset, esse arquivo é impresso e chamado de plotter; ele é montado como se fosse, de fato, um livro, em cadernos de 16 ou 32 páginas – a depender do formato –, os quais devem ser conferidos e assinados pelo cliente, dando autorização para a impressão.

  4. Feito isso, o arquivo PDF é migrado para a máquina, para ser impresso. Imprimem-se separadamente a capa e o miolo do livro.

  5. A capa impressa passa pelo processo de laminação, que, em geral, dá a ela um aspecto mais brilhoso (se o acabamento escolhido pelo cliente for brilho) ou opaco (se o acabamento for fosco).

  6. Monta-se o miolo do livro: todas as folhas impressas são devidamente dobradas e dispostas nos cadernos de 16 páginas. Essas páginas são coladas e/ou costuradas, a depender do tipo de acabamento solicitado.

  7. Caso a capa não tenha orelhas, ela é colada ao miolo do livro, pela lombada, e é feito o refile, o corte, das sobras de papel, dando o formato de livro tal qual conhecemos. Se a capa tiver orelhas, o miolo é refilado antes de ser colado a ela.

  8. Agora é hora de colocar o shrink, aquele plástico que envolve cada livro individualmente, e encaixar. Voilà! Está prontinha nossa tão esperada obra. Agora é só divulgá-la (assunto da próxima e última publicação da série #etapasdeprodução).

0 visualização

© 2019 ​Amélie Editorial. Todos os direitos reservados.

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle